O Câncer de Bexiga é o segundo tumor mais frequente nos homens, com uma incidência de 3 a 5 vezes maior que nas mulheres. O seu aparecimento aumenta com a idade, sendo que menos de 1% dos casos aparecem em pessoas com menos de 40 anos de idade.

Os tumores de bexiga podem ser divididos em superficiais e invasivos:

superficiais – são restritos ao tecido de revestimento da bexiga;

invasivos – invadem a parede muscular da bexiga e são mais agressivos.

O tratamento é baseado no grau de malignidade do tumor, na presença ou não de invasão da musculatura da bexiga e na presença ou não de metástases.

Sintomas

Problemas urinários;

Sangue na urina;

Importante:

Pessoas que fumam apresentam até 5 vezes mais chance de desenvolver Câncer de Bexiga do que pessoas que nunca fumaram.